Suporte técnico

0800 704 0606

Suporte técnico

0800 704 0606

Gustavo Schmidt faz parte da equipe GS Racing e compete ao lado do navegador de Gravataí (RS), Tiago Poisl

A caravana do Sertões se despediu de Campo Grande (MS) no domingo, dia 25 de agosto, e seguiu até Costa Rica (MS), para cumprir a primeira etapa da competição. As equipes do rally regularidade largaram às 7h e percorreram 450 quilômetros, sendo  97 de trecho navegado, em um total de oito horas e 35 minutos de prova. Ao final do primeiro dia de desafio, o piloto de São José, Gustavo Schmidt, o Guga, foi o grande campeão do Rally Regularidade pela Master, categoria dedicada aos competidores mais experientes.

Gustavo compete pela equipe GS Racing ao lado do navegador de Gravataí (RS), Tiago Poisl, e busca o seu segundo título do Sertões e o primeiro como piloto. Em 2016 ele foi campeão da categoria Graduado ao lado do pai, o piloto Oscar Schmidt. “Foi uma prova bem pegada, muitas mudanças de direção, prova bem medida e rápida. O carro se comportou muito bem, passamos por reflorestamentos, loteamentos e plantações de cana-de-açúcar, enfrentando um piso muito seco e depois um chão batido que chegava a cantar pneu. Foi uma prova bem apimentada, estilo Copa Troller e padrão Rogerinho (Rogério Almeida, diretor de prova do Regularidade). Agora é tocar em frente nesses sete dias pra levar o título pra casa”, diz Guga.

A GS Racing compete neste ano em parceria com a equipe Trancos & Barrancos. As duas equipes conquistaram os dois primeiros lugares da categoria Master e também foram os dois melhores da Graduado. O piloto José Carlos da Silva, o Zé do Chapéu, e o navegador Enedir da Silva Júnior, o Bolacha, ficaram em segundo entre os mais experientes. Pela Graduado, os campeões foram o piloto Aurélio Bilhalva e o navegador Rafael Pinto, seguidos de Giovani de Mello e Pedro Pescador de Mello.

A GS Racing utilizou nesse primeiro trecho os pneus Yokohama Geolandar A/T G015 285/70 R17 121S LT .

Cordão de Campeão

O Sertões promoveu uma novidade neste ano, os campeões de todas as categorias ganharam o cordão de campeão e devem permanecer com ele até a próxima etapa. Se não vencerem a prova seguinte devem entregar o cordão ao campeão da etapa, caso um campeão vença novamente a prova ele segue com o cordão. O piloto de São José defende seu cordão nesta segunda-feira, dia 26, quando a prova se despede de Costa Rica (MS) e segue até Barra do Garças (MT).

A 27ª edição do Sertões, o maior rally das américas, começou em Campo Grande (MS), dia 24 de agosto, e agora segue até Aquiraz (CE), quando a competição chega ao seu final no dia 1º de setembro. Até lá serão quase cinco mil quilômetros de prova, passando pelas cidades de Costa Rica (MS), Barra do Garças (MT), São Miguel do Araguaia (GO), Porto Nacional (TO), São Félix do Tocantins (TO), Bom Jesus (PI) e Cratéus (CE). A Trancos & Barrancos e a GS Racing participam do Sertões com seis veículos no Rally Regularidade, três Trollers e três Pajeros, e uma infraestrutura de dois motorhomes, um carro de apoio, uma moto, mecânicos, assessores de logística, motoristas, cozinheiro e assessoria de imprensa.

Texto: Aline Ben da Costa/Comunicação 4×4

Anterior
Próxima